A coloproctologia é uma especialidade ainda desconhecida por muitas pessoas, que costumam até confundi-la com urologia; é a especialidade que trata das doenças do intestino e do ânus, enquanto a urologia trata dos rins, da bexiga e da próstata.

Essa confusão se dá, principalmente, porque o exame da próstata é feito também pelo ânus. Às vezes, por exemplo, recebo pacientes em meu consultório à procura de exame de próstata.

Quando procurar um coloproctologista?

As doenças tratadas pela coloproctologia são várias, e a hemorroida é a mais famosa e comum. Confira as principais:

A colonoscopia (exame do intestino grosso) deve ser feita a partir de 45 anos, mas se a pessoa apresenta alguém na família com câncer, deve fazer 10 anos antes da idade desta pessoa, mesmo que não apresente sintomas.

O exame local feito pelo coloproctologista é doloroso?

A consulta com o coloproctologista é rápida e causa um desconforto discreto. O exame local é feito da seguinte maneira:

  • Começa na parte externa, em que o aspecto do ânus é estudado;
  • A seguir, é feito o toque retal para analisar a parte interna e verificar possíveis alterações;
  • Por último, é feito o exame do reto, que é a parte baixa do intestino (a mais perigosa, pois 60% dos tumores de intestino estão nesta região).

As doenças do ânus apresentam sintomas semelhantes e, somente a partir do exame local, o coloproctologista pode apresentar o diagnóstico. Lembrando que um tratamento incorreto pode atrasar o diagnóstico e piorar a doença.

Outro alerta importante é que as doenças do intestino causam pouco ou nenhum sintoma. Pessoas com câncer, por exemplo, não sentem dor, o que é extremamente perigoso, pois, quando descoberto, pode estar mais avançado, tornando difícil o tratamento.

Marque consulta

Compartilhe

comments
Fechar Menu
WhatsApp Hemorroidurgente
ENVIAR