Hemorroida é uma doença muito conhecida e cercada por tabus. As pessoas costumam dizer que hemorroida dói, incomoda e atrapalha as mais simples atividades do dia a dia.

Se você está se perguntando se isso tudo é verdade, vamos revelar para você:

  • Quais os incômodos provocados pela hemorroida?;
  • Quais as sensações de quem convive com hemorroida no dia a dia?;
  • Se a pessoa fica mesmo impedida de fazer alguma atividade por causa da dor.

O que é hemorroida, afinal?

Hemorróidas são varizes no ânus em que as veias dilatadas incham, saem e incomodam — o sangue que circula nas veias pode causar hemorragia ou trombose.

Quando as veias hemorroidárias se rompem, causam um sangramento vivo e, quando o sangramento coagula, forma-se um nódulo endurecido e roxo, que lateja, pulsa e causa enorme desconforto — a chamada trombose hemorroidária.

A trombose hemorroidária incomoda ao sentar, andar e até no contato com a roupa íntima. Ela surge de repente e, normalmente, a pessoa se assusta, pensando ser alguma coisa grave, aí entra na internet em busca de respostas, mas nem sempre encontra informações confiáveis.

A hemorroida é uma doença benigna, ou seja, não tem nada a ver com doença grave. As pessoas podem ter crises espaçadas de dor, trombose e sangramento — especialmente em épocas complicadas da vida —,  sendo curadas normalmente.

Porém, há quem viva e conviva diariamente com o desconforto de uma hemorroida, demandando um tratamento específico.

Hemorroida e os incômodos causados

Vamos lá, primeira coisa: nem tudo é hemorroida. Pode ser que o desconforto na região anal seja gerado por outra disfunção ou doença. Mas adiantamos que os principais incômodos relatados pelos pacientes com hemorroida são:

  • Coceira no ânus;
  • Realizar atividade física (o suor causa desconforto e coceira e, além disso, a dor vem à tona);
  • Dor ao sentar ou ao ir ao banheiro;
  • Dificuldade para defecar;
  • Sangue ou pus no ânus (podem aparecer, ainda, no vaso sanitário ou nas fezes).

Precisamos lembrar, porém, que existem diversos tipos de hemorróida, que podem causar variados incômodos. São eles:

  • Hemorroida Grau 1: são pequenas e raramente incomodam;
  • Hemorroida Grau 2: incham, mas murcham sozinhas com mais frequência;
  • Hemorroida Grau 3: sai ao evacuar, incomoda na maior parte do tempo e sangra;
    Hemorroida grau 4: o aspecto do ânus é irregular, com muitas peles para fora que não entram. Coça, suja as roupas íntimas, dói, dificulta a evacuação.

Pacientes com hemorroida e suas principais sensações

No meu consultório, o que mais escuto são pacientes falando sobre o constrangimento de tirar a roupa perto dos cônjuges ou de outras pessoas, o desconforto para manter relações íntimas, sentar-se (principalmente as grávidas) e ir ao banheiro.

De qualquer forma, pelo que vejo, a vergonha agrava ainda mais a sensação de estar com hemorróida. Ao longo dos anos, foram construídos vários tabus e mitos sobre o assunto — eu contei para você os principais neste post “Hemorroida: 9 coisas que você precisa saber”.

Estou com hemorroida: o que não posso fazer?

Como disse acima, dependerá de cada caso  — grau da hemorroida  —, mas você não precisa se desesperar. Durante o tratamento, precisará tomar alguns cuidados, como:

  • Evitar ao máximo o uso de papel higiênico para não irritar ainda mais a pele (optar pela ducha e lembra, sempre, de secar bem);
  • Não exagerar na prática de exercícios físicos;
  • Evitar alimentos apimentados, condimentados e bebidas alcoólicas.

Algumas pessoas me perguntam se podem manter relações sexuais, e eu digo que dependerá de como estão se sentindo. Inclusive, já falei neste texto “Quem tem hemorroida pode fazer sexo anal?” um pouco sobre esse assunto.

Na maioria dos casos, as pessoas conseguem trabalhar e realizar as atividades básicas do dia a dia. O importante, sempre, é consultar o mais rápido possível com um coloproctologista, que indicará melhor tratamento e conseguirá sanar o problema no início.

Sobre a pergunta “hemorróida dói?”, afirmo que sim, mas existem variáveis, como o grau da hemorróida e o organismo de cada um — algumas pessoas são mais sensíveis, enquanto, outras, apresentam uma leve sensação.

Você descobriu os principais incômodos da hemorróida, mas ainda assim está na dúvida se pode estar com a doença? Confira este post, que contamos para você como saber se está com hemorróida.

Compartilhe

comments
Fechar Menu
WhatsApp Hemorroidurgente
ENVIAR