Pomada para Hemorroida: Funciona mesmo?
Pomada para Hemorroida: Funciona mesmo?

Pomada para Hemorroida: Funciona mesmo?

A pomada para hemorroida é um tratamento indicado para pacientes que estão sofrendo com esse desconforto.  Mas será que você está utilizando a pomada certa? 

Entenda o funcionamento desse medicamento e para quais casos as pomadas são indicadas.

Pomada para hemorroida: como o medicamento atua

Existem dois tipos de hemorroida (inchaço das veias): externa (facilmente identificada ao redor do ânus) e interna (encontra-se na esfíncter anal e apresenta sintomas mais agudos).

Apenas um médico pode indicar o melhor tratamento, que normalmente inclui prescrição de pomadas específicas capazes de aliviar os sintomas e potencializar a cura, por possuírem substâncias com as seguintes ações:

  • Anti-inflamatória para diminuir a inflamação e o inchaço;
  • Cicatrizante e hidratante, para promover a reconstituição da pele.

Pode-se dizer sim que a pomada para hemorroida funciona. Mas atenção, somente após o exame local que o proctologista saberá indicar que tipo de pomada será melhor para o seu caso. lembre-se que o que for melhor pra sua amiga (o) ou vizinha (o) pode não servir para você.

Como saber a pomada mais indicada para mim?

Quando se fala em hemorroida, todos têm uma receita de pomada para indicar. Mas preste atenção: as pomadas para hemorroida são de variados tipos e, para cada caso, existe uma específica.

Apenas um proctologista, após ter realizado os exames necessários, pode prescrever a melhor para seu caso. São recorrentes os casos em que uma pomada muito conhecida que, por vez, serviu perfeitamente para um paciente, causa graves alergias e irritações na pele de outro, piorando a situação ou não resolvendo em nada.

Muito cuidado! Mesmo que a dor seja forte, evite automedicação e passar produtos como vinagre, álcool, cremes, dentre outros, pois podem ter graves consequências.

Pomada para hemorroida: faça em casa

Pergunte para seu médico se você pode completar o tratamento com pomadas caseiras. Confira uma receita famosa que você pode fazer em casa para aliviar os sintomas de hemorroida externa:

Pomada  de Hamamélis: alivia dor, desconforto e irritação:

Ingredientes:

  • 4 colheres de sopa de cascas de Hamamélis;
  • 60 ml de parafina líquida;
  • 60 ml de glicerina.

Modo de preparo:

  • Adicione as cascas de hamamélis e a parafina líquida;
  • Deixe ferver por 5 minutos;
  • Coe a mistura;
  • Adicione a gliceri.na e misture bem;
  • Coloque a pomada num recipiente com tampa e mantenha na geladeira.

Dicas da Dra. Hilma Nogueira da Gama

Quer fazer algo que te alivie até consultar com o proctologista ?

Banhe com água morna, por 10 minutos 1 x ao dia

Está com muita dor?

  • Tome Tylenol ou Dipirona de 6 em 6 horas;
  • Use pomada de bebê duas vezes ao dia. Existem vários tipos disponíveis em farmácia, e não fazem mal;
  • Evite temperos, pimentas e bebida alcoólica;
  • Suspenda exercícios físicos e caminhada até melhorar;
  • Evite papel higiênico: use a ducha e
  • Consulte com um proctologista.

Deu para entender que pomada para hemorroida realmente funciona, não é mesmo? Porém não são capazes de aliviar imediatamente os sintomas. Para se curar é preciso de repouso, orientação do proctologista e com paciência em média nos próximos 15 dias você estará bem.

Mas a cura da hemorroida não se resume ao uso de pomadas. Aproveita para saber mais sobre hemorroida e confira nosso artigo com 9 dúvidas sobre o assunto.

Autor

Dra. Hilma Nogueira da Gama
Dra. Hilma Nogueira da Gama
CRM-MG 16.386

Graduada em medicina pela UFJF (1983) e com residências em Cirurgia Geral pelo Hospital Belo Horizonte e em Coloproctologia pela Santa Casa de Misericórdia de Belo Horizonte. É membro titular e coordenadora de Coloproctologia no Hospital Madre Teresa.

Acredita que o médico tem função social de informar, interagir e se aproximar dos pacientes. Nasceu em uma família de médicos, de onde herdou seu dom para a profissão.

Compartilhe

comments

Dra. Hilma Nogueira da Gama

CRM-MG 16.386 Graduada em medicina pela UFJF (1983) e com residências em Cirurgia Geral pelo Hospital Belo Horizonte e em Coloproctologia pela Santa Casa de Misericórdia de Belo Horizonte. É membro titular e coordenadora de Coloproctologia no Hospital Madre Teresa. Acredita que o médico tem função social de informar, interagir e se aproximar dos pacientes. Nasceu em uma família de médicos, de onde herdou seu dom para a profissão.

Deixe uma resposta

Fechar Menu